FANDOM


Galvão Bueno é um locutor esportivo. Considerado o mais famoso do Brasil.

Trajetória

Carlos Eduardo dos Santos Galvão Bueno nasceu no Rio de Janeiro em 21 de Julho de 1950. Após trabalhar em uma fábrica de materiais plásticos, começou a carreira como locutor na Rádio Gazeta de São Paulo em 1974. No mesmo ano foi para a TV Gazeta onde participou do programa Mesa Redonda e cobriu a Copa do Mundo.

Em 1977, teve uma passagem de dois meses pela Record e logo em seguida foi para a Bandeirantes, onde ficou por quatro anos, como comentarista da Copa de 78 e narrador da Fórmula 1 em 1980. Foi contratado pela Globo em 1981, cujo primeiro trabalho foi a narração do jogo entre o Flamengo e o Club Jorge Wilstermann, da Bolívia, pela Copa Libertadores da América. Também narrou alguns jogos da copa de 82.

Com a saída de Luciano do Valle da Globo em 1982 (que era o principal locutor esportivo da emissora na época), Galvão foi se destacando nos anos seguintes até se tornar o narrador principal do canal no início dos anos 90. Mas em 1992, foi para a Rede OM (atual CNT) comandar o departamento de esporte da emissora, que na época tinha adquirido os direitos da Copa Libertadores da América. Esses jogos fizeram com que a emissora paranaense conquistasse uma audiência muito grande. Galvão acumulava a função de de narrador, apresentador e diretor de esportes.

Retornou a Globo em 1993, onde as principais conquistas de atletas do país nos anos seguintes, como a conquista do Tetracampeonato pela Seleção Brasileira em 1994. Em 1996, teve uma curta passagem pela bancada do Jornal Nacional, participando quase todos os dias dando notícias sobre o esporte. Entre 1999 e 2001, o Espaço Aberto na GloboNews. Durante a Copa do Mundo de 2002, apresentou junto com Fátima Bernardes o programa Brasil na Copa.

Em 2003, estreou no comando do Bem, Amigos do SporTV, e apresenta até hoje. Em 2009, estrelou o quadro "Na Estrada com Galvão Bueno" do Esporte Espetacular. Durante a Copa de 2014, trabalhou como âncora do Jornal Nacional ao lado de Patrícia Poeta. Por várias vezes anunciou sua aposentadoria e voltando atrás. Em 2010, anunciou que a Copa de 2014 seria a última na qual ele trabalharia. Porém, narrou a Copa de 2018 e também anunciou que provavelmente aquela seria sua última copa.

Galvão é atualmente o narrador esportivo mais famoso do Brasil. Com um estilo marcante e dono de bordões como "Bem, amigos da Rede Globo", "Haja Coração" e "Faça sua festa, torcedor brasileiro", ele é amado e odiado pelos fãs de esporte. É admirado por ser um ícone da locução esportiva brasileira, mas também é duramente criticado por seu tom considerado ufanista e parcial. Principalmente bajulando jogadores da Seleção Brasileira, como Neymar Jr., por exemplo. Durante a Copa de 2010, foi alvo de uma brincadeira onde a campanha "Cala a boca, Galvão" repercutiu nas redes sociais e ganhou cartazes que apareceram nos estádios. Os estrangeiros aderiram a campanha inocentemente achando que a expressão era para salvar um pássaro brasileiro em extinção.

Além da TV, Galvão é o titular da ABGB (Associação Beneficente Galvão Bueno), dirigida por sua mãe Mildred Galvão Bueno, e atual presidente da Provopar (Programa de Voluntariado no Paraná), em Londrina. Também é um dos sócios da Burger King no Brasil. Atualmente é casado com a empresária do setor de modas, Desirée Soares.

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.