FANDOM


O Jornal Hoje (ou JH) é o telejornal vespertino da Globo. Estreou em 21 de Abril de 1971. Atualmente é apresentado por Sandra Annenberg e Dony De Nuccio.

O Jornal

É exibido de segunda à sábado no início da tarde, após o Globo Esporte. Além de noticiar o factual, os acontecimentos do Brasil e do mundo, aborda temas como moda, comportamento, arte, cultura, prestação de serviço e defesa do consumidor. Conhecido como o jornal mais leve e descontraído da Globo.

História

O Hoje estreou em 21 de Abril de 1971 sob o comando de Léo Batista e Luís Jatobá. Inicialmente exibido apenas para o Rio de Janeiro, era voltado para o público feminino. Era uma revista eletrônica diária que mesclava o noticiário tradicional à matérias culturais. Berto Filho era o responsável pelo noticiário internacional, Sônia Maria pelas matérias de utilidade pública, Nelson Motta apresentava um quadro sobre música e Lígia Maria sobre arte e moda.

A partir do dia 3 de junho de 1974, passou a ser transmitido para todo o país. Em 1975, Márcia Mendes e Berto Filho assumiram a bancada. No mesmo ano, passou a ter uma hora de duração, e a edição de sábados (que começou em 1974) passou a dar dicas de lazer para o fim de semana. Nos sábados, o jornal exibia matérias especiais, além das entrevistas informais com personalidades que se tornaram uma marca registrada nos anos seguintes. Entrevistas inicialmente comandadas por Leda Nagle.

Berto Filho foi substituído por Sônia Maria em 1977. Márcia Mendes faleceu em 1979 e foi substituída às pressas por Leda Nagle. Berto retornou em 1981 substituindo Sônia, e ficou até 1983 quando Pedro Bial ficou em seu lugar. Bial tornou-se correspondente internacional em 1986, e Marcos Hummel assumiu a bancada fazendo dupla com Leda.

Em 1989, Leda Nagle foi para o Bom Dia Rio e foi substituída por Márcia Peltier. Marcos Hummel foi substituído por Leila Cordeiro em maio de 1989, mas ela se demitiu em julho e Hummel retornou ao jornal. Em 1990 o JH deixou de ser exibido por quatro anos para São Paulo, que transmitia o São Paulo Já. A justificativa da emissora na época era que o Hoje havia "perdido o seu lado feminino da notícia". Em 1991, Marcos Hummel foi substituído por Valéria Monteiro. No ano seguinte, Márcia deixa a Globo e Cláudia Cruz assume seu lugar.

Em 1993, William Bonner e Cristina Ranzolin assumiram a bancada do JH, que no ano seguinte voltou à ser exibido para São Paulo. Ranzolin apresentou o jornal sozinha por algumas semanas de 1996 após Bonner se transferir para o Jornal Nacional até que Fátima Bernardes assumiu as funções de apresentadora e editora-chefe em 1 de Abril do mesmo ano. Mônica Waldvogel estreou na apresentação em 10 de março de 1997.

Em uma "troca de cadeiras" entre os telejornais da Globo em 1998, Mônica Waldvogel deixou o jornal. Foi substituída por Renata Vasconcellos por um mês, até que Sandra Annenberg estreou em 30 de Março de 1998. Em 29 de janeiro de 1999, passou a ser transmitido de São Paulo. Sandra foi substituída por Carlos Nascimento em 18 de Outubro do mesmo ano. Passou a dividir a apresentação com Carla Vilhena em 16 de Julho de 2001, mesmo dia em que o jornal passou a ser apresentado da redação.

Carla Vilhena foi substituída por Sandra Annenberg em 6 de janeiro de 2003 (e Mariana Godoy substituiu Sandra durante sua licença-maternidade). Em 2 de fevereiro de 2004, Evaristo Costa substitui Nascimento, que havia se transferido para a Band. Em 2 de dezembro de 2013, passou a ser transmitido em Alta Definição.

A dupla Sandra e Evaristo permaneceu na bancada do JH durante 13 anos, até que em 2017, Evaristo decidiu romper contrato com a Globo por motivos pessoais. Ele apresentou o jornal pela última vez em 27 de Julho. Em 7 de Agosto ele foi substituído por Dony De Nuccio, que apresentava o Jornal das 10 da GloboNews.

Apresentadores

Titulares Atuais

Eventuais Atuais

Titulares Anteriores

Eventuais Anteriores

Tempo (Atual)

Eventuais

O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.