FANDOM


Sandra Annenberg é uma apresentadora, jornalista e ex-atriz.

Trajetória

Sandra Tasker Annenberg nasceu em São Paulo em 5 de Junho de 1968. Filha de produtora de TV e teatro e um engenheiro eletrônico, tem descendência russa, romena e norueguesa. É formada em jornalismo pela Faculdades Integradas Alcântara Machado (FIAM) e em TV e Teatro pela Escola de Arte Dramática da USP. Acompanhando o trabalho da mãe na televisão, na infância demonstrava afinidade no mundo artístico.

Sua primeira aparição na TV foi em 1974, em uma figuração no teleteatro "Peixes-Banana" na Cultura. Com sete anos de idade começou a atuar em comerciais, chegou a fazer mais de cinquenta. Em 1982, com 14 anos, foi repórter do programa Crig-Rá da Gazeta. No ano seguinte, tornou-se apresentadora do Show do Esporte na Bandeirantes. Na mesma emissora também comandou o TV Criança.

Em 1984 retornou à Cultura onde apresentou os programas Vitória, Grandes Concertos, além de Festivais de MPB. Na mesma época retomou a carreira de atriz, estreando no programa Bronco em 1985. Em 1988 fez sua primeira aparição atuando no seriado Tarcísio & Glória. Posteriormente atuou em outras produções como Pacto de Sangue, República e A, E, I, O... Urca. Seu último trabalho como atriz foi em Cortina de Vidro no SBT.

No início da década de 90, concluiu em definitivo a carreira de atriz para se dedicar ao jornalismo. Foi contratada pela Record onde apresentou o Sport Shopping Show, Super Esporte e TV Franchising. Em 1991, após um convite, migrou para a Globo. Estreando como garota do tempo e âncora regular do São Paulo Já. No mesmo ano, estreou como garota do tempo do Jornal Nacional, tornando-se a primeira mulher a ter um quadro fixo e diário no noticiário.

Foi apresentadora do Fantástico entre 1993 e 1996. Em seguida, comandou a bancada da primeira edição do SPTV até 1998. Estreou como âncora do Jornal Hoje em 1998, mas deixou o cargo no ano seguinte para se tornar repórter do Jornal da Globo. Em 2000, tornou-se correspondente internacional da Globo em Londres. Retornou ao Brasil em 2002, retornando à bancada da primeira edição do SPTV.

Em 2003, voltou à bancada do Jornal Hoje, na qual permaneceu por muitos anos. Destacando-se na televisão e tornando-se uma das jornalistas mais queridas do público. Em 2012, passou a apresentar o bloco Globo Cidadania. Esse bloco tornou-se o programa Como Será? em 2014, e Sandra o apresenta até hoje. Em setembro de 2019, deixa o comando do Jornal Hoje após 17 anos. Passando a apresentar o Globo Repórter.

Desde 2004 é casada com o também jornalista Ernesto Paglia, com quem tem a filha Elisa Annenberg Paglia.

Trabalhos na TV

Ano Título Cargo / Personagem Notas
1974 Peixe-Banana Figuração Teleteatro da Cultura
1982 Crig-Rá Repórter
1983 Show do Esporte Apresentadora
1984 - 1986 TV Criança
1984 Vitória
Grandes Concertos
1985 - 1987 Bronco Julinha, a Gata Cabocla
1988 Chapadão do Bugre Vicença
Tarcísio & Glória Júlia
Pacto de Sangue Celeste
República Participação
1990 A, E, I, O... Urca Carmencita
Cortina de Vidro Ângela Campos
1990 - 1991 Sport Shopping Show Apresentadora
Super Esporte
TV Franchising
1991 - 1993 São Paulo Já
1993 - 1996 Fantástico
1993 - 1997 Jornal da Globo Apresentadora Eventual
1996 - 1997 SPTV Apresentadora
1997 - 1998 Jornal da Globo
1998 - 2019 Jornal Nacional Apresentadora Eventual
1998 - 1999 Jornal Hoje Apresentadora
1999 - 2002 Jornal da Globo Repórter e Correspondente
2002 - 2003 SPTV Apresentadora
Jornal Hoje Apresentadora Eventual
2003 - 2019 Apresentadora
2012 - 2014 Globo Cidadania
2013 - 2019 Jornal Nacional Apresentadora Eventual
2014 - Atual Como Será? Apresentadora
2019 - Atual Globo Repórter
O conteúdo da comunidade está disponível sob CC-BY-SA salvo indicação em contrário.